Atrevido

Escrito por
Publicado em: 10/11/2015
min_a_wiggins_capa

Andrew Wiggins e os pupilos do Minnesota Timberwolves conseguiram um feito e tanto na noite da última 2ª feira (dia 09/11): vencer os Hawks em Atlanta, algo que não acontecia desde 20/11/2002, quando ele tinha somente 7 anos de idade. No fim, o Minnesota escapou com a vitória por  117X107, mesmo após ter desperdiçado uma vantagem de 30 pontos no intervalo (72X42).

Além desta façanha, Wiggins igualou sua mais alta pontuação na carreira com 33 pontos – muitos deles vindo de enterradas espetaculares, como as do vídeo a seguir:

Apesar de estabelecer uma liderança de 34 pontos no início do 3º período (81X47), os Wolves foram capazes de evitar um desastre e interromper a seqüência de 7 vitórias seguidas do Atlanta, que registrou 58 dos próximos 82 pontos e chegou a empatar o placar em 105X105. A mais ampla diferença superada após o intervalo na história da NBA foi de 34 pontos, estabelecida pelo Utah Jazz no triunfo contra o Denver Nuggets no dia 27/11/1996.

O armador Jeff Teague terminou com 24 pontos e o ala Paul Millsap anotou outros 22 pontos pelos Hawks. O Atlanta só conseguiu assumir a liderança do placar quando restavam 3:26 para o fim, graças ao arremesso de Millsap que deixou o marcador em 107X106. Mas a jovem promessa do Minnesota marcou os próximos 7 pontos a acabou evitando um dos maiores colapsos na história da NBA.

Faz aproximadamente 6 anos desde que a última equipe chegou a ficar atrás do marcador por ao menos 34 pontos em algum momento de um duelo e foi capaz de empatar o placar. No dia 21/12/2009, o Sacramento Kings aprontou isso para cima do Chicago Bulls. O Sacramento perdia por 35 pontos no 3º quarto, mas liderados pelos 15 pontos de Ime Udoka e pelos 11 pontos de Tyreke Evans no último período, os Kings ressurgiram no confronto, igualaram o placar com 2 minutos para o fim da partida e saíram vitoriosos por 102X98.

Fatal error: Uncaught Exception: 190: Error validating application. Application has been deleted. (190) thrown in /var/www/draftbrasil.net/blog/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273