Eternizado

Escrito por
Publicado em: 19/12/2016
t_duncan_numero_capa

Valeu a pena esperar. A cerimônia de retirada do nº 21 usado por Tim Duncan ao longo de toda a sua carreira aconteceu na noite deste domingo (dia 18/12) após a vitória em casa do San Antonio Spurs sobre o New Orleans Pelicans por 113X100.

Considerado um dos 10 maiores jogadores da NBA em todos os tempos, Duncan encerrou sua jornada antes do início deste temporada, pudemos acompanhar muitas partidas de alguém que foi 5 vezes campeão da NBA e ajudou a construir uma das franquias mais estáveis dos esportes profissionais norte-americanos.

Neste domingo, tivemos a chance de ouvir testemunhos semelhantes à grandeza do ex ala-pivô do San Antonio, só que desta vez, vindos de pessoas próximas a ele, como Tony Parker, Manu Ginobili, Gregg Popovich e o próprio Duncan. Se vocês não puderam acompanhar a cerimônia ou queiram se divertir com a última aparição pública de Tim Duncan nos próximos meses, confira a seguir os 5 melhores momentos que o blog do Draft Brasil listou da homenagem à camisa nº 21 que foi pendurada no alto do AT&T Center:

1) Tony Parker, o comediante

Para aqueles que conhecem pouco dos Spurs, o armador Tony Parker é um cara muito engraçado. Em seu discurso, ele foi tão engraçado quanto sincero.

t_duncan_numero_parker

Parker detalhou o quão difícil é jogar para um treinador tão exigente, elogiando Duncan pela maneira profissional como ele sempre lidou com isso. Gregg Popovich, o treinador mais observador da liga, gostou da menção e até agradeceu a Parker, mostrando o quanto íntimo ele realmente é dessas lendas dos Spurs. Ele também disse a respeito de quando era hora certa de passar a bola para Duncan. Ao contrário da maioria dos astros, que acenam ao armador quando estão livres ou pedem verbalmente a bola, Tony disse que Duncan apenas lhe dava um olhar.

As histórias e piadas de Parker sobre Pop e Duncan sempre foram divertidas, mas ele fez questão de mencionar o status do ex-companheiro como “Superstar plus plus“.

2) ‘Nanu

Logo em seguida, o argentino Manu Ginóbili assumiu o microfone e assim como o francês, seu discurso foi repleto de histórias engraçadas e emotivas.

t_duncan_numero_manu

A melhor revelação, porém, veio de uma história sobre um erro crucial que Ginobili cometeu em uma partida dos playoffs de 2006 que os Spurs acabaram perdendo. Manu ficou muito irritado com o ocorrido e não queria nada com ninguém. Duncan foi persistente e acabou convencendo o argentino para jantarem juntos, a fim de mostrar que tudo estava bem e a liderança que Duncan tinha sobre a equipe.

A melhor parte de toda essa história foi saber que ao longo da convivência deles em San Antonio, Duncan chamava seu amigo de “Nanu” ao invés de Manu.

3) Bolo de cenoura

Existe algo mais curioso do que descobrir que Tim Duncan era obcecado por bolo de cenoura?

t_duncan_numero_pop

Na cerimônia de aposentadoria da camisa nº 21 dos Spurs, a história de Gregg Popovich sobre levar bolo de cenoura para Duncan sempre que eles estavam longe de San Antonio foi uma das mais clássicas por excelência. Pop contou como ele ia até o quarto de Duncan quando estavam disputando jogos fora de casa com a sobremesa favorita do ala-pivô e, às vezes, ‘Timmy‘ estava dormindo, então o treinador só deixava-o na frente da porta.

Este não foi o melhor momento da noite envolvendo Popovich, mas certamente foi uma das histórias mais engraçadas e apropriadas dentro do evento.

4) O “Big Fundamental” por ele mesmo

Tim Duncan nunca foi a estrela mais atraente ou interessante da NBA, mas isso é parte do que o fez ser especial. Deixaram que outra pessoa roubasse o show (leia mais abaixo) em sua grande noite, mas não há dúvida de que Duncan pegar o microfone e falar em público foi encantador por direito próprio.

t_duncan_numero_21

Para começar, a maior parte do que Duncan disse foi improvisada. Ele até se lamentou sobre isso, depois que um tributo com a sua narração foi mostrado no telão antes do seu discurso, já que ele não tinha certeza do que ia dizer. No entanto, Duncan fez um bom trabalho. Muito bom para alguém que estava improvisando. Ele disse mais do que apenas um “obrigado”, estava realmente vestido a caráter (sem gravata, é claro) e até injetou um pouco de humor nas suas palavras. Também se certificou de agradecer a todos os seus ex-companheiros de equipe e os incríveis torcedores de San Antonio, antes de voltar sua atenção para o seu treinador.

Foi difícil para qualquer fã da NBA de evitar se emocionar quando a camisa de Duncan finalmente foi levada para o alto do teto do ginásio e o discurso dele foi perfeitamente apropriado para a personalidade generosa e humilde do jogador/pessoa que conhecemos.

5) A visão de Pop

Aqui está o responsável por roubar a cena de Duncan na noite em sua homenagem. O tempo de Gregg Popovich ao microfone foi o mais sincero e imperdível de toda a noite.

t_duncan_numero_abraço

Ele foi seco e impetuoso como sempre, explicando por que Duncan foi um bom líder para o restante dos seus companheiros de equipe, não importando quem estava no elenco. Contou uma história hilária sobre a época em que Duncan quase deixou os Spurs para jogar no Orlando Magic, fazendo ele suar por muito tempo antes de receber a feliz notícia de que iria ficar em San Antonio. Mas em meio a todas as histórias engraçadas e típicas de Pop, foi o lado emocional e sentimental do treinador que surpreendeu e emocionou a todos os presentes. Em um determinado ponto, Popovich ficou atônito olhando para seu ex-pupilo e precisou fazer um momento de pausa para se recompor. Agora falando sério, vocês já conheceram alguém que olha para vocês da mesma maneira como Pop olha para Duncan?

O treinador elogiou Duncan, pagando-lhe a última honra antes de finalizar seu discurso em cumprimento aos falecidos pais do ex-jogador dos Spurs.

Por fim, nenhum discurso em homenagem a Duncan ficaria completo sem o abraço final entre seu eterno comandante e seu fiel comandado, que deixou o AT&T Center aos prantos. Portanto, se você ainda não se emocionou, agora com certeza está emocionado.

Fatal error: Uncaught Exception: 190: Error validating application. Application has been deleted. (190) thrown in /var/www/draftbrasil.net/blog/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273