Resumo – Sweet 16 – March Madness

Escrito por
Publicado em: 28/03/2015
sweet16_marchmadness_capa

Chegamos ao ‘Sweet 16’!!! E tivemos várias demonstrações de garra, devoção e emoção em quadra, à medida que a competição se estreita. 8 partidas foram disputadas nesta rodada (entre os dias 26 e 27/03) do March Madness. E todas as equipes focadas em um único objetivo: o Final Four em Indianápolis, entre os dias 04 e 06/04.

Vitórias amplas, partidas decididas na última posse de bola e as famosas “Cinderelas” bailando pelas regiões, tudo isso pode ser acompanhado no NCAA Tournament.  Confira o resumo do blog do Draft Brasil da rodada que deu seguimento à competição mais “louca” do território norte-americano.

“Infarto” da rodada – #1 Duke 63X57 #5 Utah

É difícil considerar um duelo decidido por 6 pontos como o “infarto” da rodada, mas tirando o fato que o triunfo de Michigan State sobre um cabeça de chave mais alto valeu como a “Cinderela” do Sweet 16, a vitória de Duke por 63X57 sobre Utah mereceu essa escolha. Com a ajuda dos 21 pontos e 10 rebotes do ala Justise Winslow, os Blue Devils chegaram à sua 20ª classificação para o Elite 8, a 14ª vez sob o comando de Coach K, que detém o recorde de 85 vitórias no NCAA Tournament.

sweet16_duke_utah

Disputando o Sweet 16 apenas pela 1ª vez desde 2005, Utah e o outro “Coach K”, Larry Krystkowiak, pouco puderam fazer contra Duke. Os Utes desperdiçaram seus primeiros 9 arremessos antes da 1ª cesta com pouco mais de 4 minutos jogados do 1º tempo e perdiam pelo placar de 3X2, quando anotaram uma seqüência de 6 pontos seguidos e tinham uma liderança de 8X5. No fim, o cestinha isolado de Utah foi o armador Brandon Taylor com 15 pontos.

“Atropelamento” da rodada – #1 Kentucky 78X39 #5 West Virginia

O confronto entre Kentucky e West Virginia pode ser resumido nas seguintes palavras: perfeito e massacrante. Imparáveis, os Wildcats abriram uma rápida vantagem de 18X2, aumentaram para 26 pontos de diferença no fim do 1º tempo e concluíram com uma tranquila vitória por 78X39 sobre os Mountaineers. Em busca da história e do 9º título nacional, a invicta Kentucky teve como destaques o ala Trey Lyles, autor de 14 pontos, e os irmãos Andrew e Aaron Harrison, responsáveis por 13 e 12 pontos, respectivamente.

sweet16_kentucky_westvirginia

Há 5 anos atrás no Elite 8, West Virginia surpreendeu a forte equipe de Kentucky, que também era composta de vários talentos e futuros jogadores da NBA. Mas desta vez, o que surpreendeu foi o total de faltas cometidas com o de pontos marcados no 1º tempo pelos Mountaineers: 14X18. O cestinha da equipe foi o armador Juwan Staten com 14 pontos, que viu West Virginia ultrapassar a marca dos 20 pontos no jogo apenas depois de 11 minutos decorridos no 2º tempo.

“Cinderela” da rodada – #7 Michigan State 62X58 #3 Oklahoma

Há pouco mais de um mês atrás, muitos acreditavam que o técnico Tom Izzo e Michigan State não estivessem vivos no NCAA Tournament atualmente. Pois bem, eles estão classificados para o Elite 8. Graças aos 21 pontos do armador Travis Trice de dos 18 pontos do outro armador Denzel Valentine, os Spartans conseguiram uma dura vitória por 62X58 sobre Oklahoma e são o cabeça de chave mais baixo restando ainda no torneio.

sweet16_michiganstate_oklahoma

Nem mesmo os 21 pontos do armador Buddy Hield foram suficientes para os Sooners seguirem adiante, já que falharam na tentativa de passar para o Elite 8 pela 1ª vez desde 2009, quando foram liderados pelo astro do Los Angeles Clippers, Blake Griffin. Desta vez, os reservas do treinador Lon Kruger, que juntos anotaram 30 pontos nas 2 partidas anteriores, não renderam bem e registraram apenas 3 pontos contra Michigan State.

Outro resultado da rodada:

#3 Notre Dame 81X70 #7 Wichita State
#1 Wisconsin 79X72 #4 North Carolina
#2 Arizona 68X60 #6 Xavier
#2 Gonzaga 74X62 #11 UCLA
#4 Louisville 75X65 #8 NC State

Fatal error: Uncaught Exception: 190: Error validating application. Application has been deleted. (190) thrown in /var/www/draftbrasil.net/blog/wp-content/plugins/seo-facebook-comments/facebook/base_facebook.php on line 1273